Simulador de Contas Digitais
Como se livrar do endividamento?

Como se livrar do endividamento?

Já falamos muito sobre endividamento aqui no Educando Seu Bolso. Fizemos alertas contra o excesso de dívidas, demos dicas sobre como se livrar delas, e falamos até sobre o bom endividamento. Esse foi o tema da nossa conversa com a Mara Pinheiro, da Rede Globo, no programa Bom Dia Minas.

.

https://youtu.be/-aL748pd8I0

.

Como identificar o endividamento excessivo?

Desde pequenos nós ouvimos que ninguém pode gastar mais do que ganha, certo? O problema é que muitas pessoas não conseguem perceber quando isso acontece, porque não organizam bem suas contas. Sabem quanto ganham, mas não sabem quanto gastam. Então, o primeiro passo é organizar-se e construir um orçamento familiar.

.

É, estou mesmo endividado… O que faço?

Já se organizou e viu que existe um buraco no orçamento? Procure tapar o buraco! Diminua despesas, tente aumentar renda. Identifique as dívidas mais caras, isto é, as que tem Custo Efetivo Total mais alto.

.

Trocar dívidas de juros altos por outras com juros menores é uma solução? Quais devem ser os cuidados?

Sempre. Dentro e fora do Banco. Dentro, porque dá pra trocar modalidade mais cara por mais barata. Por exemplo, sair de cheque especial e rotativo de cartão de crédito para um consignado ou até mesmo um crédito pessoal. Fora, porque é possível fazer a portabilidade para outras instituições.

Conversamos com a Mara sobre modalidades de crédito. Encontrar a modalidade adequada para cada situação é tão importante quanto procurar juros mais baixos. Você sabe como escolher uma operação de crédito?

.

O consignado é mesmo uma “tábua de salvação”?

Se for para trocar uma dívida cara por outra mais barata, no consignado, é uma boa, sim. O problema é que tem muita gente usando mal esse produto, e entrando no endividamento descontrolado por meio dele. Entenda como isso acontece e evite entrar nessa!

.

Além disso, falamos sobre como é possível, até mesmo para uma pessoa que ganha pouco, evitar endividar-se e até poupar para o futuro.

 

Autor

Ewerton Veloso
Ewerton Veloso é bacharel e mestre em Administração pela Universidade Federal de Minas Gerais. Trabalha há mais de 10 anos na área de monitoramento do Sistema Financeiro Nacional e é professor de Administração. Neste espaço, pretende convidar o leitor à organização das suas finanças e à reflexão quanto ao seu comportamento como consumidor e investidor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *