O que você está procurando hoje?

Não consegue mais pagar seu consórcio? Sua cota vale dinheiro!

curso-imobiliário
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Apple Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Spotify
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Google Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Castbox
Educando Seu Bolso
Educando Seu Bolso
Não consegue mais pagar seu consórcio? Sua cota vale dinheiro!







/

Você fez um consórcio e não está conseguindo pagar? Já desistiu ou vai ter que desistir? Não consegue esperar o fim do grupo ou os sorteios de desistentes para reaver seus recursos? Precisa vender sua cota para tentar recuperar uma parte do que já pagou e usar para pagar as despesas do dia a dia? Ou para saldar uma dívida?

Então, fique calmo. Temos boas notícias. Como consorciado excluído, você tem direitos e opções de como se desligar completamente do grupo de consórcios. Conhecê-los é fundamental para não perder dinheiro. Foi para conversar sobre isso que convidamos para o nosso podcast de hoje, o Managing Partner and Co-founder da Consorciei.

Além disso, é preciso dizer que você não está sozinho. Segundo o Banco Central, a proporção de consorciados ativos versus desistentes é de aproximadamente 1 para 1. Ou seja, para cada dois que entram em um grupo de consórcio, um não consegue chegar ao final. Esse número é enorme e preocupante há décadas e foi um dos focos do nosso bate-papo com o João Ferraz.

No texto de hoje, dentre outras coisas, você descobrirá a diferença entre a taxa de deságio e a taxa de juros, como vender uma cota de consórcio e quando compensa a venda.

A conversa está disponível em todos os players acima, o vídeo está no nosso canal do Youtube e, caso prefira, continue a leitura!

Por que tanta gente desiste do consórcio?

Como vimos, segundo dados do Banco Central, milhões de pessoas, ao longo da vida, têm dificuldades para pagar todas as parcelas do consórcio. Por que isso acontece?

Bom, entendemos que isso é consequência, principalmente, de 3 fatores: 

  1. Grande parte das vendas ainda é feita sem o devido cuidado. O vendedor propagandeia apenas as vantagens, promete mundos e fundos e omite as limitações do produto;
  2. Os consórcios, normalmente, possuem períodos bastante longos;
  3. O planejamento financeiro, infelizmente, ainda está longe de ser o forte do brasileiro.

Imaginem o caso de um imóvel, em que o consórcio pode durar 16 anos ou o caso do consórcio de automóvel, que pode levar cerca de 8 anos. Diante de alguma necessidade ou mudança de algum objetivo de vida, as pessoas podem precisar do dinheiro poupado através do consórcio. 

Como você já ouviu aqui no nosso podcast, consórcio não é um investimento como outro qualquer. Não é como uma aplicação em um fundo de investimento ou cdb que tem liquidez. Ou seja, você não pode resgatar o que pagou quando quiser ou precisar.

 

Em caso de desistência, como funciona o reembolso?

O consorciado desistente só tem direito garantido a receber uma parte do que pagou no término do grupo, digo uma parte, pois a taxa de administração, que muitas vezes passa de 20%, não é devolvida. 

A devolução pode ser adiantada se o consorciado vencer o sorteio dos desistentes. Se você gosta de futebol, é tipo uma repescagem, saca? Mensalmente, se houver recursos suficientes no grupo de consórcio, a assembleia sorteia um entre os vários excluídos e adianta o reembolso daquele felizardo. 

Finalmente, o consorciado tem o direito de vender a sua cota. Com isso, foi formado o mercado secundário do consórcio, nele é possível vender as cotas e reaver parte da poupança construída no consórcio.

Você sabe o que é consórcio? Descubra!

 

Como a Consorciei atua?

De acordo com o João, normalmente, o brasileiro tem dificuldade de poupar e vê no consórcio a oportunidade da construção de uma poupança forçada, pois, com o consórcio você recebe um boleto todo mês para pagar e, além disso, não pode resgatar o dinheiro quando quiser.

Então, em 2018 surgiu a Consorciei, da necessidade de intermediação na venda das cotas e, também, para viabilizar uma operação transparente para os consorciados e a administradora do consórcio.

 

Como é o atendimento da Consorciei?

A comunicação entre a Consorciei e o consorciado ocorre através dos canais de comunicação, como e-mail ou telefone e, no momento, eles estão desenvolvendo um aplicativo que objetiva aumentar a interação entre a empresa e o consorciado.

 

Como é a experiência do consorciado desistente?

É importante entender que o mercado secundário de cotas existe há muitos anos, porém, ele não era digitalizado e demorava cerca de 30 a 40 dias para se concretizar a venda da cota.

Sendo assim, era necessário passar por correio, cartório, além de existir a grande distorção de conhecimento entre o comprador e o vendedor da cota e, devido ao processo mal estruturado, a transação se tornava mais difícil e mais cara.

Dessa forma, a Consorciei levou o mundo analógico dos consórcios para o mundo online e digital. A promessa deles é que com a aplicação de tecnologia, aumente a segurança, a agilidade e a possibilidade de obter melhores preços nas negociações de compra e venda de cotas de consórcio.

 

Como funciona a venda de cotas?

Antes dos passos do cadastro da cota, vale destacar algumas administradoras que são parceiras da Consorciei. Nesse caso, todo o processo é feito de forma 100% online, você visualiza e aceita a proposta, preenche seus dados e assina o contrato dentro da plataforma Consorciei.

  • Itaú;
  • Santander;
  • Porto Seguro;
  • Bamaq Consórcio;
  • Consórcio Magalu;
  • Racon Consórcios;
  • Consórcio Canopus;
  • Unicoob Consórcios; 
  • Chevrolet Consórcio;
  • Consórcio Nacional Randon.

Mas isso quer dizer que a Consorciei não atende outras administradoras? Não! Nos demais casos, a Consorciei também pode te ajudar!

O prazo é de 2 a 7 dias e, depois que a proposta de compra for aceita, é pedida a assinatura de um contrato de compra e venda e uma procuração pública que autoriza a Consorciei a transferir o consórcio. Após o recebimento desses documentos de forma digital, o negócio é concluído!

Veja se compensa entrar em um consórcio de imóveis!

 

Passo a passo: Cadastrando sua cota na Consorciei

Se você for um consorciado desistente, você pode cadastrar a sua cota com apenas alguns cliques no site e enviar as informações do seu consórcio através do formulário.

Dessa maneira, as informações para o cadastro são:

  • Nome completo;
  • Celular e e-mail;
  • Qual a administradora do seu consórcio;
  • Responder se o seu consórcio está em nome de pessoa jurídica.

Após isso, é preciso concordar com os termos de uso.

Em seguida, você precisa preencher os dados da sua cota de consórcio, são eles:

  • Valor do bem;
  • Parcelas restantes;
  • Se a sua cota é contemplada ou cancelada;
  • Tipo de bem, que pode ser veículos, imóveis e serviços;
  • Saldo devedor, ou seja, valor restante para a aquisição do bem.

Por último, você envia o extrato mais recente da sua cota para a avaliação.

Com isso, a Consorciei analisa, precifica o seu consórcio e te envia uma proposta com o preço da cota.

Em seguida, você termina o cadastro, envia os documentos necessários e assina os termos. Após as validações feitas pela empresa, você receberá os recursos em 06 à 15 dias úteis. 

Confira 5 coisas que você precisa saber antes de contratar um consórcio!

 

Posso vender a cota de consórcio para qualquer pessoa?

Sim! Vender a cota de consórcio é um direito do consorciado, independente se a pessoa que comprar a cota é física ou jurídica. 

Porém, para garantir a saúde financeira do grupo de consórcio, a administradora deve estar de acordo com a venda, ou seja, ela deve autorizar o CPF ou CNPJ que está comprando a cota. 

Dessa maneira, a administradora avalia se a pessoa que está entrando no grupo consegue pagar as mensalidades do consórcio.

Além disso, é necessário ter cuidado com as fraudes que podem estar envolvidas no consórcio. Por exemplo, sem a intermediação de uma empresa especializada, você pode estar comprando uma cota que, na verdade, não existe.

Conheça 10 desvantagens que mesmo um bom consórcio pode ter!

 

Quais os benefícios ao contratar uma empresa que intermedeia a venda da cota?

Os maiores benefícios ao contratar uma empresa que auxilia na venda das suas cotas é que você conta com a proteção contra fraudes, com maior rapidez na venda da cota e a administradora avalia o risco do novo entrante no grupo de consórcio.

 

E se eu tiver alguma dúvida sobre a venda, o que faço?

Se surgir alguma dúvida sobre a razão do preço ou o funcionamento do processo de venda da cota, a Consorciei tem uma equipe de atendimento que está à disposição de todos os clientes das 9h às 18h, via telefone pelo 0800 878 2848.

Educação Financeira no Brasil: Entenda como chegamos até aqui!

 

Quem procura a Consorciei para vender suas cotas?

Conforme o relatório Panorama de Consórcios do Banco Central, vemos que a desistência é epidêmica. Em todos os ramos de consórcios os desistentes são muitos.

Na Consorciei não é diferente, também tem de tudo. Ou seja, o valor das cotas pode variar de 3 mil reais até a 1 milhão.

 

Qual o principal motivo da desistência de uma cota?

Normalmente, quem desiste de uma cota é alguém que tem a necessidade de ter acesso ao dinheiro rapidamente.

Isso ocorre porque algumas pessoas precisam pagar as suas dívidas, em grande parte, submetidas aos  juros altos. Enquanto outras pessoas encontram a oportunidade de adquirir um novo ativo, como investir em um novo negócio, por exemplo.

Se você vai iniciar um negócio, deve saber que para um bom atendimento é indispensável que o lojista tenha uma boa maquininha de cartão no seu comércio, por esse motivo, conheça o Simulador de Maquininhas do Educando Seu Bolso e encontre qual é a melhor opção de acordo com o seu perfil ou então confira o Ranking abaixo!

Ranking melhores maquininhas segundo Educando seu Bolso

Posição Maquininha Saiba Mais
1 Moderninha Pro
Moderninha Pro 76% OFF
76% OFF
2 SumUp TOTAL
SumUp TOTAL 5% OFF
5% OFF
3 T3 Básico
T3 Básico 80% OFF
80% OFF
4 Superget #RENOVA
Superget #RENOVA
5 SumUp ON
SumUp ON 8% OFF
8% OFF
6 Minizinha Chip 2
Minizinha Chip 2 75% OFF
75% OFF
7 Point Pro
Point Pro 74% OFF
74% OFF
8 T2 +
T2 + 62% OFF
62% OFF
9 Cielo Flash | Compra
Cielo Flash | Compra 34% OFF
34% OFF
10 SafraPay Máquina Móvel 3G
SafraPay Máquina Móvel 3G

 

Repita comigo: Consórcio não é investimento…

Não vá pensando que todo o dinheiro do pagamento das parcelas do consórcio será restituído quando você desistir de ser um consorciado. Então, fique ligado na taxa de deságio! Não sabe o que é essa taxa? Vamos te explicar logo abaixo.

Agora, se você está em busca de um investimento, não deixe de conhecer nosso Simulador de Investimentos! Faça uma simulação e encontre qual investimento combina com você!

Quero simular um investimento!

 

Taxa de deságio x Taxa de juros

Se você deseja vender a sua cota para liquidar uma dívida ou precisa do dinheiro para alguma emergência, é indispensável que você entenda o que é a taxa de deságio.

 

Taxa de deságio: o que é? 

Basicamente, a sua cota é um crédito futuro e para receber este crédito antecipadamente há um custo, esse custo é a taxa de deságio. Ou seja, essa taxa corresponde a um desconto no valor da sua cota.

 

Na prática, como funciona a taxa de deságio?

Para calcular o deságio, é importante levar em consideração o valor da cota, a taxa de administração e a multa de cancelamento do fundo comum.

Dessa maneira, suponha uma cota com valor do crédito de R$100 mil, a taxa de administração de 20% e multa de cancelamento de 10% do fundo comum pago. 

Nesse exemplo, vamos considerar que você pagou 50% do valor total do seu plano. Ou seja, o valor total do seu plano é de R$120 mil (R$100 mil do valor do crédito + R$20 mil da taxa de administração) e você já pagou R$60 mil.

Sendo assim, temos:

Valor total do plano R$120.000,00
Total pago R$60.000,00
Taxa de administração -R$10.000,00 (20%)
Multa de Cancelamento -R$5.000,00 (10%)
Valor a receber no final do grupo R$45.000,00

Logo, descontados a taxa de administração e a multa de cancelamento sobre o valor total pago do seu plano, o valor que você receberia ao acabar o consórcio seria de R$45mil.

Se o valor da sua proposta de venda da cota for, por exemplo, R$30.000,00, o deságio da sua cota será de 33,3%, pois R$30.000,00 é equivalente a 66,6% dos R$45 mil que você receberia no final do grupo.

Veja o que fazer quando os juros sobre o empréstimo são abusivos! 

 

Tenho uma dívida com juros altos, compensa vender a minha cota para pagá-la?

Segundo o João, a taxa de deságio aplicada sobre a venda da cota de consórcio é inferior às taxas de juros praticadas pelo mercado, pois há níveis de riscos diferentes de uma operação para a outra.

Sendo assim, compensa vender a cota do consórcio quando você deseja quitar uma dívida que possua a taxa de juros maior que a taxa de deságio.

Por exemplo, suponha que daqui a 5 anos você receberia do seu consórcio R$45.000 e hoje você receberá apenas R$35.000 pela venda da cota, ou seja você vai estar pagando R$10.000 de juros. 

Agora, se você tem uma dívida de R$35.000 hoje e se o valor dessa dívida for superior aos R$45.000 quando ela estiver para vencer, você pagará mais do que R$10.000,00 de juros, então, nesse caso, vale a pena a venda da cota para quitar a dívida.

 

Como é calculado o preço proposto pela venda da cota?

O cálculo da cota depende do prazo para encerramento do grupo, fundo comum pago, saldo devedor e perfil de contemplação. 

Baseado nessas variáveis, o algoritmo de precificação avalia e gera o preço ao consorciado.

Desse modo, quando você acessar a plataforma da Consorciei, é possível consultar qual o preço proposto da cota, o valor da cota quando o consórcio acabar e, também, qual a data de vencimento do consórcio.

É importante entender que se você vender a sua cota antes da finalização do consórcio, você receberá um valor menor do que aquele pago nas parcelas.

Financiamento ou consórcio imobiliário: Compare os preços!

 

Compensa vender a minha cota do consórcio?

Depende, há alguns fatores que influenciam na hora de vender a sua cota, principalmente, quando se trata da taxa de deságio. Com isso, abaixo há situações favoráveis e desfavoráveis da venda de cotas, veja em qual delas você se encaixa e descubra a melhor opção:

Quando é favorável a venda
  • Você não consegue pagar as mensalidades do consórcio;
  • Se você tem uma dívida com a taxa de juros maior que a taxa de deságio;
  • Você quer adquirir um novo ativo e encontrou um investimento com retornos maiores do que a taxa de deságio;
  • Quando você precisa de dinheiro para alguma emergência e a taxa de pagamento de um empréstimo do banco é superior à taxa de deságio.
Quando é desfavorável a venda
  • O valor de venda da cota está abaixo do valor de mercado da cota;
  • A taxa de deságio é maior que a taxa de juros de alguma dívida;
  • Quando não há necessidade de acessar o dinheiro poupado com o consórcio rapidamente.

Vai vender seu consórcio e está em dúvida entre qual tipo de investimento aplicar o seu dinheiro? Teste o nosso simulador de investimentos e veja as melhores opções de retorno dentro das suas necessidades!

Deu pra perceber que a venda de cotas é um assunto um tanto complexo, né? Então, se ainda restou alguma dúvida, deixa aí nos comentários que te ajudamos!

Tem interesse em carro por assinatura? Nos chame no whatsapp e vamos conversar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *