O que você está procurando hoje?

Tabela FIPE: saiba como funciona a cotação de usados

Unidas carro por assinatura

Entenda o que é Tabela FIPE e como utilizá-la para comprar e vender seminovos.

 

O que é Tabela FIPE?

A Tabela FIPE é a principal referência para valores de veículos seminovos e usados no Brasil. Além disso, ela é utilizada pelas seguradoras para definição de preço-base na cotação de seguros e pelas UFs na cobrança de IPVA.

O instrumento foi criado em 1973, pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), visando resolver diversos problemas de precificação de automóveis no país.

Mensalmente, a Tabela é atualizada para acompanhar todas as alterações na cotação dos veículos. Estão listados:

  • carros e utilitários;
  • motos;
  • caminhões e micro-ônibus.

Neste conteúdo, vamos focar em esclarecer dúvidas sobre a Tabela FIPE para quem deseja comprar ou vender um seminovo.

fipe logo, referente à tabela fipe

FIPE Tabela dá preço de carros e outros automóveis no mercado nacional.

SIMULE FINANCIAMENTO AUTO

 

Como são determinados os valores da Tabela FIPE?

A FIPE, entidade responsável, coleta preços dos veículos monitorados (carros, motos, caminhões etc.) mês a mês. São verificados valores de automóveis novos, usados e seminovos.

Então, a Fundação exclui valores muito baixos ou altos observados. Dentre os valores medianos, é feito um cálculo de média.

E, assim, é definido o valor do veículo apresentado na Tabela.

 

Informações consideradas na Tabela

Confira a lista de informações que são levadas em conta na pesquisa para definir valor médio.

  • Período de referência: mês para o qual você deseja saber o valor do veículo. Normalmente, são utilizados mês e ano presentes. (Ao final do texto você verá como utilizar o período de referência para cálculo de depreciação).
  • Marca: GM – Chevrolet, Fiat, Hyundai etc. A marca do carro é um dos componentes analisados.
  • Modelo: Gol, HB20, Palio… Segundo as especificações de fábrica. São considerados, também, cilindradas do motor (1.0, 1.6 etc.), número de portas, tração (4×4 etc.), entre outros.
  • Ano do modelo: trata-se do ano de lançamento daquele modelo.
  • Combustível: flex, gasolina, diesel etc.

 

NÃO são considerados na precificação da FIPE veículos

Algumas características dos veículos NÃO são examinadas no referencial.

  • Ano de fabricação: apenas o ano de lançamento do modelo é considerado.
  • Localização: estados e municípios diferentes têm variações na cotação. Ainda assim, esse componente não é discriminado.
  • Acessórios: rádio, vidro elétrico, teto solar etc. Esses itens podem conferir ao usado um valor maior do que o apresentado na Tabela FIPE oficial. Porém, não são analisados.
  • Estado de conservação: quantidade de km rodados, situação de desgaste das peças não são levadas em conta também.

Essas características, no entanto, continuam sendo muito importantes na hora de precificar o veículo para compra e venda. Portanto, além da Tabela FIPE Brasil, é preciso considerar variáveis adicionais.

>> Você sabia que seu veículo pode ser utilizado como garantia de empréstimo para reduzir os juros? Faça uma cotação aqui.

 

Como consultar um veículo na Tabela FIPE?

O Educando Seu Bolso fez uma consulta para fins de exemplo. Confira o passo a passo:

  1. Acesse o site da FIPE.
  2. Preencha o mês de referência para o qual você deseja pesquisar o valor do veículo.
  3. Selecione a marca.
  4. Escolha o modelo exato a ser buscado.
  5. Escolha o ano do modelo e o combustível utilizado.
  6. Clique em “Pesquisar”.

Pronto! Em segundos o resultado será apresentado para você, conforme a imagem abaixo.

exemplo simulação tabela fipe

Resultado de exemplo para consulta Tabela FIPE de carros. Reprodução: veiculos.fipe.org.br.

SIMULE FINANCIAMENTO AUTO

Para além da plataforma oficial da FIPE, outros sites oferecem a Tabela, como o Webmotors e o iCarros.

DICA! Algumas pessoas têm dificuldade de saberem o modelo do automóvel para fazer o consulta. Visando facilitar o processo, foi lançando o aplicativo PlacaFip.

Nele, basta digitar a placa do seu veículo e você receberá o código FIPE, que consta na imagem acima. Esse código refere-se ao seu modelo exato, com todas as especificações de fábrica.

Então, na hora de fazer a pesquisa, você pode utilizar o código ao invés do nome do modelo.

 

Como usar a Tabela FIPE para comprar/vender um seminovo?

É essencial consultar a Tabela. Afinal, ela é a principal referência do mercado, sendo muito bem aceita em todos os locais do país.

Porém, é preciso estar atento a alguns pontos. Confira nos próximos tópicos.

 

1) Tabela dá o preço de venda nas lojas

Em primeiro lugar, a ferramenta apresenta o valor de venda nas concessionárias. Então, o proprietário do bem que desejar vendê-lo a uma loja, provavelmente fará isso por um valor 15% ou 20% abaixo da FIPE.

Entendeu? O valor é uma média do preço pelo qual o cliente final irá comprar o automóvel usado. Para quem vende para essas lojas, provavelmente conseguirá um valor abaixo da FIPE.

No entanto, quem vende para particular pode tentar buscar um valor mais próximo ao da Tabela FIPE.

>> Veja mais detalhes no conteúdo Educando Seu Bolso sobre dicas para venda e compra de carros usados.

 

2) Seguir a FIPE é opcional

IMPORTANTE! Seguir o preço da Tabela FIPE na hora da venda é opcional. A ferramenta serve como referência.

Caso seu automóvel esteja muito bem conservado, seja um modelo mais raro, tenha diversos acessórios, é possível cobrar mais caro por ele, sem problemas.

Igualmente, se o estado de conservação estiver abaixo da média, o valor do bem no mercado também será.

 

3) Faça outras análises

Além da FIPE, existem diversos outros fatores que você deve analisar na hora de comprar o veículo. Afinal, a Tabela não engloba todas as variáveis.

  • Estado de conservação: quilometragem rodada, qualidade da lataria, painel, motor, estofados, entre outros. Sem dúvidas, esse ponto é essencial. Confira dicas para conferir qualidade de carros usados.
  • Depreciação: por quanto você conseguirá revender esse veículo daqui a alguns anos? Coloque na ponta do lápis.
  • Documentação: CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos), comprovante de pagamento do seguro obrigatório, entre outros. Cheque se está tudo correto!
  • Despesas com o automóvel: manutenção, IPVA, seguro. Veja se cabe no seu orçamento.
  • Cor: algumas cores sofrem mais depreciação que outras. No próximo tópico, confira com mais detalhes.

Ainda, a Tabela FIPE não é a única referência do mercado para preço de veículos. Por exemplo, a Tabela Molicar também é interessante. Assim, você consegue mais parâmetros.

Também, o Educando Seu Bolso recomenda que você busque conhecer alternativas à compra e venda de carros. Como o mercado de carros por assinatura, que tem crescido cada vez mais e traz soluções econômicas e práticas ao consumidor.

Ranking de Carro por Assinatura

Posição Plano Nota Interessado?
1 Unidas
Unidas

4.74

2 Localiza Meoo
Localiza Meoo

4.48

3 Movida
Movida

4.22

4 Flua!
Flua!

3.89

5 Renault On Demand
Renault On Demand

3.63

6 UseCar
UseCar

3.31

7 Porto Seguro Carro Fácil
Porto Seguro Carro Fácil

3.18

8 Caoa Sempre
Caoa Sempre

3.11

9 MIT Assinatura
MIT Assinatura

3.10

10 Ford Go
Ford Go

2.79

Atualizado em 16/09/2021

 

Depreciação: como analisá-la por meio da Tabela?

A possibilidade de consultar o preço do veículo ao longo de todos os meses desde o lançamento do modelo permite aos usuários analisarem a depreciação do preço do bem.

Isto é, o valor de mercado que o veículo perde com o passar do tempo.

É muito importante considerar esse componente, seja na compra de um carro novo ou usado. Afinal, isso irá definir o preço de venda que você conseguirá praticar após alguns anos.

Para quem deseja vendê-lo sem muita perda de valor, fazer um bom negócio é escolher modelos que depreciam menos.

Via de regra, os automóveis que mais depreciam são:

  • Carros importados, porque costumam ter maior custo de manutenção e dificuldade de acessar peças;
  • veículos na cor preta ou verde.
  • automóveis com mais de 100.000 km rodados.
  • bens que tiveram empresas como proprietários.

Porém, analise caso a caso. É o estado de conservação que mais importa.

tabela fipe para compra de carros usados

Tabela FIPE motos, carros, caminhões. Cotação FIPE leva em conta ano do modelo, marca e outros e dá preços médios.

O Educando Seu Bolso oferece uma ferramenta gratuita para simulação do seu financiamento automotivo. Não deixe de conferir!

SIMULE FINANCIAMENTO AUTO

Ficou com alguma dúvida? Então, comenta aí embaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *