Se você quer saber a melhor opção entre amortizar no prazo, na parcela ou investir seu dinheiro, descubra a melhor opção no nosso Relatório de Amortização

Cartão consignado: saiba todos os detalhes sobre essa modalidade de crédito

Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Apple Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Spotify
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Google Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Castbox

Você provavelmente já ouviu falar de empréstimo consignado. Trata-se do empréstimo concedido a servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS, além de funcionários de empresas privadas conveniadas a instituições financeiras. Recentemente a Caixa Econômica Federal passou a conceder empréstimos consignados também para quem tem saldo em conta no FGTS. Essa modalidade de crédito traz as taxas mais baratas do mercado, e as parcelas são descontadas diretamente na folha de pagamento, seja contracheque ou benefício, do tomador do empréstimo. Mas você já ouviu falar em cartão consignado?

Assim como no empréstimo, a fatura do cartão, ou pelo menos parte dela, já é descontada diretamente na folha de pagamento do cliente. Contudo, as taxas cobradas são bem mais baixas do que as de um cartão de crédito tradicional.

Mas é preciso atenção: os cartões consignados nem sempre trazem esse nome. Às vezes podemos encontrar produtos com o nome “Cartão do Aposentado”, “Cartão do Funcionário Público”, ou similares, oferecidos pelas instituições financeiras.

Deseja saber mais? Então veja abaixo uma explicação de como funcionam esses cartões e resposta a algumas dúvidas frequentes. Descubra se são uma solução interessante para você!

cartão consignado, cartão de crédito consignado, empréstimo consignado, daycoval, bmg, olé consignado, banco pan

O que o cartão consignado tem a ver com o empréstimo consignado?

Antes de tudo, é preciso entender um pouco melhor sobre as regras do empréstimo consignado

Esse é um tipo de empréstimo em que o valor da parcela é diretamente descontado da folha de pagamento do tomador. Ou seja, costumam ter juros bem mais baixos, logo porque o risco que a empresa corre de que o tomador fique inadimplente é bem menor do que em outras modalidades de empréstimo. Existem várias empresas que oferecem esse tipo de serviço, e as taxas cobradas variam muito. No nosso ranking de crédito pessoal, por exemplo, é possível ver essas taxas atualizadas.

 

Crédito Pessoal
PosiçãoInstituiçãoModalidadeCET(ao Mês)Interessado?
1
GERU
Crédito Pessoal4.20%
2
Ibi Digital
Crédito Pessoal5.99%
3
Credisfera
Crédito Pessoal6.15%
4
Just.
Crédito Pessoal6.35%
5
Rebel
Crédito Pessoal6.65%
Consignado
PosiçãoInstituiçãoModalidadeCET(ao Mês)Interessado?
1
GERU
Consignado - INSS1.80%
2
GERU
Consignado - Público1.80%
3
Agibank
Consignado - INSS2.03%
4
Agibank
Consignado - Privado2.42%
5
Creditoo
Consignado - Privado4.89%
Negativados
PosiçãoInstituiçãoModalidadeCET(ao Mês)Interessado?
1
Livre.digital
Crédito Pessoal3.47%
2
Ferratum
Crédito Pessoal13.10%
3
Agibank
Crédito Pessoal17.91%
4
Crefisa
Crédito Pessoal21.77%
5
Unobank
Crédito Pessoal22.45%
6
Simplic
Crédito Pessoal22.45%
7
Moneyman
Crédito Pessoal28.44%
Empréstimo
PosiçãoInstituiçãoModalidadeCET(ao Mês)Interessado?
1
Bcredi
Empréstimo com Imóvel em garantia1.82%
2
Creditas
Empréstimo com Imóvel em garantia2.67%
3
Tutu Digital
Peer-To-Peer PJ2.80%
4
Nexoos
Peer-To-Peer PJ3.54%
5
Kavod Landing
Peer-To-Peer PJ4.40%

 

É importante lembrar que, para pedir esse tipo de empréstimo, existe uma norma de que as parcelas cobradas não podem exceder 30% da sua renda líquida mensal. Ou seja, vamos supor que você ganhe R$5.000,00 por mês. Dessa forma, ao contrair um crédito consignado, o máximo de sua renda que você pode comprometer por mês com as parcelas do empréstimo é R$1.500,00. 

Mas além desses 30%, é possível que você expanda sua margem consignável. É aí que entra o cartão consignado. Com ele, é permitido que você comprometa mais 5% de sua renda mensal no contracheque. Isto é, devido ao cartão, você pode ter até 35% de sua renda onerada.

Qual porcentagem da fatura é descontada automaticamente na folha de pagamento?

Grosso modo, a fatura do cartão descontada no holerite pode corresponder a até 5% do seu salário. Isto é, considerando o exemplo acima, 5% de R$5.000,00 representariam R$250,00. Mas isso não significa que esse é seu limite do cartão.

O limite do cartão consignado pode ser bastante flexível. É comum que com uma renda de R$5.000,00, seu limite seja de R$10.000,00, por exemplo. Porém, independente do quanto você gastar, só será debitado automaticamente os R$250,00. O restante fica para você pagar manualmente, com boleto ou da forma que ficar definida por contrato. 

Mas não é necessário ter comprometido os 30% com empréstimo consignado para pedir esse cartão de crédito. Ele pode ser solicitado antes. 

E o cartão vale a pena?

Em primeiro lugar, assim como qualquer cartão de crédito, o cartão consignado não cobra juros se você pagar integralmente a fatura em dia. Dessa forma, qualquer pessoa que tenha direito a ele, pode tê-lo como uma opção válida. Contudo, é importante avaliar se esse cartão é a melhor opção para você nesse momento. Isso porque, utilizar o cartão no dia-a-dia, fará com que você já receba menos no final do mês, devido aos 5% comprometidos em folha, que não podem ser cancelados. Se você estiver com condições de assumir essa conta, excelente. Porém, caso você não tenha certeza, pode até ser melhor optar por cartão de crédito tradicional, mesmo com taxas maiores.

De qualquer forma, se você atrasar parcelas, as taxas cobradas são muito menores. Portanto, avalie com cuidado cada um desses aspectos; e veja qual situação se aplica melhor ao seu caso.

Por fim, para quem já contraiu o empréstimo e está com parte da renda onerada, a margem adicional de 5% deve ser vantajosa. Isso porque o crédito consignado continua tendo o preço mais em conta do mercado. Assim, caso você precise fazer novo empréstimo, pode valer a pena usar de mais esta possibilidade de desconto no salário. Evitaria-se assim uma dívida mais cara, ou, em outras palavras, substitui-se dívida mais cara por dívida mais barata. 

Atenção

Você sabia que o Educando seu Bolso oferece um Simulador de Empréstimo Pessoal que compara as taxas mais baratas do mercado?

Concluindo…

De forma geral, os cartões consignados são, sim, boas opções. Utilizados de forma a evitar essas dívidas mais caras, para contrair mais baratas, ou para melhorar sua gestão financeira, não há problema nenhum. O transtorno é se ele for usado para gastar descontroladamente, mas isso é um problema em qualquer ocasião.

E um adendo: não é ideal ter o cartão de crédito consignado como última saída. Pessoas que já gastaram todo o seu limite da dívida e usam os 5% como última opção, geralmente estão com problemas, e precisam se planejar financeiramente. Ainda assim, mesmo nesses casos o cartão consignado continua sendo uma opção mais barata.

Sabemos que os juros do rotativo do cartão são um dos mais caros do mercado. Esses juros também existem no cartão de crédito consignado?

Sim, esses juros também existem no cartão consignado. Contudo, eles são bem mais baixos do que o de cartões de crédito tradicionais. Em geral, as taxas de rotativo de cartões tradicionais ficam entre 10% e 15%. Por outro lado, as taxas do cartão consignado ficam entre 3% e 4% ao mês, ou seja: um valor muito mais razoável.

Onde posso usar meu cartão?

Os cartões consignados podem ser levados no bolso como qualquer outro cartão. Eles têm bandeira: Visa, Elo, Master… Dessa forma, podem ser usados para fazer compras normalmente. Além disso, é possível que você os utilize em caixas do Banco24h.

Com eles, você pode fazer compras físicas e online, pagar serviços e realizar saques (os saques podem corresponder a até 90% do seu limite do cartão). Ainda, alguns desses cartões têm até mesmo programas de pontos (Livelo), como as milhas de companhias aéreas (Multiplus, Smiles).

cartão consignado, cartão de crédito consignado, empréstimo consignado, daycoval, bmg, olé consignado, banco pan

Se eu não tiver dívidas de empréstimo consignado, a porcentagem da fatura descontada automaticamente na folha de pagamento passa a ser 35%?

Não, o desconto continua sendo de 5%. São modalidades separadas.

Mas vai aqui uma informação importante! As taxas do empréstimo consignado são mais baixas que as do cartão consignado. Enquanto as do cartão com desconto em folha flutuam entre 3% e 4%, as do empréstimo com desconto no salário podem ser menores que 2%. Portanto, é melhor escolher o empréstimo consignado primeiro, tendo o cartão apenas como um suporte (Leia mais sobre empréstimo consignado no final deste texto).

No cartão consignado também existe a possibilidade de não se pagar toda a fatura de uma vez?

Sim, de forma similar ao cartão de crédito tradicional. Nesse processo, parte da dívida passa para o mês seguinte, acrescida a taxa de juros. O valor mínimo de pagamento exigido é o 5% do salário, como exposto acima. 

Em uma situação prática, funciona assim: o máximo debitado automaticamente de sua folha de pagamento é 5%. Então, considerando que sua renda é R$5.000,00, os 5% do cartão ficam em R$250,00. Suponhamos que você realizou uma compra de R$6.000,00, parcelada em 3x. Isto é, 3 parcelas de R$2.000,00. Só será descontado de você neste mês R$250,00. O restante, R$1.750,00, você deve pagar em um boleto separado. Pagando em dia, não há nenhum acréscimo. Caso fique para o mês seguinte, é cobrada a taxa juros.

E atenção! Uma reclamação muito recorrente a respeito do cartão consignado é que um grande número de pessoas acha que pagou toda a fatura no cartão,  sendo que na verdade não pagou. Talvez por falta de planejamento financeiro, as pessoas acreditam que os 5% foram suficientes para quitar todas as compras. Mas nem sempre. Por isso, fique sempre atento ao valor total da fatura, e não somente aos 5%.

cartão consignado, cartão de crédito consignado, empréstimo consignado, daycoval, bmg, olé consignado, banco pan

Tem taxa de anuidade?

Geralmente não. Mas busque saber sobre outras tarifas cobradas pela instituição financeira em que você decidiu pedir seu cartão consignado.

Além dos 3,5% cobrados de juros no cartão consignado, é possível que os bancos e financeiras (BMG, Olé Consignado, Banco Pan, Daycoval…) cobrem valores adicionais. Então fique atento, pois pode haver taxa de abertura de crédito, tarifa para saque, entre outros.

Quem está negativado pode pedir um cartão consignado?

Sim. Inclusive, para quem está negativado o cartão pode ser uma forma de, eventualmente, substituir uma dívida mais cara por uma mais barata.

Muitas pessoas já usaram os 30% do empréstimo consignado. Assim, quando elas precisam de mais crédito, buscam no mercado por outras opções. Mas a oferta de empréstimo para quem já está negativado é menor. Alguns bancos, financeiras e fintechs oferecem, mas a taxas muito mais altas. Então, o cartão pode ser uma última saída conveniente, embora o ideal é que se evite chegar nessa situação.

Atenção

Você sabia que o Educando seu Bolso oferece um Simulador de Empréstimo Pessoal que compara as taxas mais baratas do mercado?

É muito comum que bancos façam ligações, para idosos, por exemplo, tentando oferecer crédito consignado. Isso acontece também com o cartão consignado?

Na realidade, não é mais tão comum a tentativa de se fechar contratos de empréstimo por telefone. Há alguns anos, aconteceu um problema relacionado a isso: um banco X se utilizava do telefone para tentar, de forma muito sistemática, fechar contratos de empréstimos consignados. Mas, na verdade, muitas das informações passadas para os clientes não eram nem mesmo verdadeiras ou transparentes. Por isso, o banco foi, justamente, processado. Desde então, os “contratos fonados” deixaram de ser tão comuns. Não somente, passou a ser mais habitual solicitar documentos para a contratação do empréstimo, o que não é possível de se fazer por telefone.

Isso é até mais seguro. Pense: passar seus dados por telefone pode ser muito perigoso. Existe sempre um risco de fraude. Logo, evite passar seus dados por telefone em qualquer ocasião. 

Quais bancos oferecem a opção de cartão consignado?

Assim como mostramos no nosso ranking de crédito pessoal, vários bancos oferecem a opção de cartão consignado. Separamos algumas opções que podem esclarecer quais são os serviços oferecidos por cada um. Lembrando que todos os cartões consultados são sem anuidade e sem consulta ao Serasa ou SPC.

BancoBandeiraInternacionalBenefíciosCarênciaFatura por app/e-mailSeguro
 OléVisa✔️✔️Até 45 diasAppNão informado
 DaycovalMaster✔️✔️Até 40 diasE-mailNão informado
 BanrisulMaster✔️✔️Até 45 diasAppOpcional
 PanVisaNão informadoNão informadoNão informadoNão informadoNão informado
 BradescoEloNão informado✔️Até 40 diasNão informado✔️
 BMGMaster✔️✔️Não informadoApp✔️

Entendi tudo, mas concluí que, na verdade, o melhor para mim é o empréstimo consignado. Onde posso conseguir um?

Antes de tudo, sugerimos que você acesse nosso Simulador de Empréstimo. Nele, você cadastra algumas informações sobre você e sobre o empréstimo que deseja contratar, e descobre a opção mais barata para seu caso.

Não é necessário que a contratação seja realizada em um banco. Existem alguns correspondentes bancários, como a bxblue, que conseguem taxas mais baixas para você, ao fazerem a intermediação do empréstimo. A Bxblue é um ótimo exemplo de empresa que, além de empréstimo consignado também oferece a opção de cartão de crédito consignado. Empresas como essas podem tornar muito fácil que você tome uma decisão e podem, inclusive, oferecer a melhor opção pro seu caso. Portanto, não vá direto no seu banco! Primeiro, avalie se não existem opções mais baratas.

Por fim, sugerimos que você leia o artigo do Educando seu Bolso que fala especificamente sobre o empréstimo consignado. Assim, você fica por dentro de todos os detalhes desse tipo de empréstimo, e não cai em nenhuma pegadinha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *