O que você está procurando hoje?

Confira as maneiras que você pode receber sua renda de previdência!

Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Apple Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Spotify
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Google Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Castbox
Educando Seu Bolso
Educando Seu Bolso
Confira as maneiras que você pode receber sua renda de previdência!







/

É comum que tenhamos dúvidas em relação à aposentadoria, ainda mais quando se fala de previdência privada. Nesse quesito, surgem questões relacionadas a como escolher um plano e como receber a sua renda. Você sabia que existem 5 modalidades distintas de recebimento dessa aplicação?

Pois bem, nesse post você vai entender qual a melhor maneira de receber a renda, quando você deve tomar essa decisão, quais pontos devem ser levados em consideração para uma escolha adequada  e muito mais sobre o seu plano de previdência privada.

Então, hoje conversamos com a Fabiana Gastaldi, gerente regional da SulAmérica, que é o maior grupo segurador independente do Brasil. O nosso bate-papo está disponível em todos os players acima e a gravação está no nosso canal do Youtube!

Que tal conhecer a nossa consultora em previdência?

O que é um plano de previdência privada?

Um plano de previdência privada pode ser entendido como uma aposentadoria que não está ligada ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Ou seja, normalmente a previdência privada é um reforço para a aposentadoria pública (embora nada impeça de ser a única renda de aposentadoria), em que o contribuinte tem maior autonomia sobre seus aportes e consequentemente sobre o seu rendimento. 

Esse rendimento será fruto do seu próprio investimento inicial, que vai ser administrado ao longo do tempo pelo gestor designado pela seguradora, e, posteriormente, quando você for aposentar, virará a sua renda mensal.

É importante saber que existem dois tipos de fornecimento da previdência, pode ser fechado ou aberto. Os fechados são aqueles oferecidos pela empresa apenas a seus funcionários. Já os abertos estão disponíveis para qualquer pessoa em bancos ou corretoras.

Dentro dessa classificação inicial, existem mais dois tipos de diferenciação. Existem os PGBL (Plano Gerador de Benefícios Livres) e os VGBL (Vida Gerador de Benefícios Livres).

De forma resumida:

  • ao contratar o PGBL, o cliente pode abater no Imposto de Renda até 12% do seu ganho bruto anual. Mas, em contrapartida, quando ele pedir o resgate dessa previdência, para receber a aposentadoria, ele vai pagar imposto sobre todo o montante, ou seja, sobre o que ele pagou mais o rendimento;
  • já o VGBL não permite que o cliente abata os pagamentos mensais no imposto de renda. Porém, quando você pede o resgate, o imposto é cobrado só sob a rentabilidade do fundo e não sobre todo o montante.

Que tal aprender um pouco sobre criptomoedas?

 

E quais as formas de conversão de renda na SulAmérica?

A SulAmérica oferece 5 principais formas de conversão em renda.

Mas, antes de irmos a cada uma delas, é importante ressaltar que a escolha de como receber o benefício ocorre quando o titular de fato se aposenta, e não quando ele está contratando o plano. Isso acontece porque a SulAmérica entende que as circunstâncias mudam muito ao decorrer do tempo.

Ou seja, no contrato, inicialmente, o benefício vem descrito como vitalício, por ser o padrão, mas, 60 dias antes da data eleita pelo cliente para se aposentar, ele escolhe o tipo de renda desejada dentre as opções. Após escolhida, a opção não pode ser alterada.

Agora sim, vamos as 5 formas de recebimento de renda:

Renda vitalícia

A primeira delas é a renda vitalícia, em que a renda é paga para o titular do plano até ele falecer. Então, quando o titular falece, a renda cessa. 

Renda por prazo certo

A segunda é a renda por prazo certo, em que o titular negocia com a companhia um prazo determinado para receber a renda, (na SulAmérica é de até 20 anos). Portanto, se o titular falecer antes desse prazo, a renda será paga para um beneficiário escolhido pelo titular.

Vale ressaltar que beneficiário é diferente de herdeiro legal, já que o primeiro é eleito pelo titular, e não necessariamente precisa ter relação de parentesco. Logo, é interessante que os clientes exijam que seja colocado no contrato quem é o beneficiário.

Renda vitalícia com reversão ao cônjuge

A terceira opção de recebimento de renda da sua previdência é a vitalícia com reversão ao cônjuge, que é uma renda vitalícia para o titular, mas quando ele falecer, ela é revertida para o cônjuge, também de forma vitalícia. 

Renda vitalícia com reversão ao cônjuge e continuidade aos menores

O quarto tipo de renda é a vitalícia com reversão ao cônjuge e continuidade aos menores, que é basicamente igual a anterior, mas, com o falecimento do cônjuge, ela é revertida novamente aos filhos.

É importante salientar que quanto maior a reversão, menor será a renda do titular. Ou seja, quanto mais essa renda for revertida a terceiros, maior será a taxa de reversão, o que torna a sua renda cada vez menor.

Renda temporária

E, por último, temos na SulAmérica a renda temporária, que é bem parecida com a renda de prazo certo, mas se o titular da previdência falecer, o benefício não segue sendo pago a ninguém, ou seja, cessa com o falecimento. 

Quer fazer uma renda extra apenas com os seus cupons fiscais? Então venha conhecer o app Dinheiro na Nota!

 

Como saber se uma seguradora é confiável?

É comum que haja uma certa desconfiança no processo de contratação de plano de previdência, porque normalmente eles são de longo prazo.

Dessa maneira, o dinheiro dos clientes fica por muito tempo dentro das seguradoras, o que pode causar esse desconforto.

Assim, a Fabiana nos contou que o ambiente das seguradoras é regulado pela Susep (Superintendência de Seguros Privados), que fiscaliza as companhias seguradoras.

Nesse quesito, em termos de segurança, todas as companhias estão no mesmo patamar, pois todas sofrem o mesmo tipo de regulamentação.

No caso específico da SulAmérica, por ser uma empresa listada em bolsa, a confiabilidade costuma ser um pouco maior, justamente pelos números estarem sempre disponíveis para o acesso do público.

Venha conhecer a nossa consultora em previdência!

Dicas adicionais para o momento da conversão da sua previdência em renda

De acordo com a gerente, para saber também a confiabilidade e utilidade de um determinado plano de previdência para você, é interessante consultar mais dois fatores:

  • Taxa de Administração, que é o pagamento pelo trabalho de administração financeira feito pelo gestor da sua seguradora.
  • E a Tábua Atuarial, que expõe a expectativa de vida média do investidor, dando uma noção de quanto tempo ele deve receber a renda, de acordo com a idade que ela planeja se aposentar e sua expectativa de vida. 

A tabela acima traz uma comparação entre quatro tábuas atuarias, sendo a BR-EMSsb-v. 2015 a mais recente, e a AT-83 a mais antiga. Isso demonstra um crescimento da expectativa de vida dos brasileiros.

Você realmente pode escolher como usar o seu programa de benefícios? Confira nosso post e descubra!

 

Então, já faz parte do brasileiro pensar em previdência privada?

De acordo com a nossa entrevistada, há 22 anos atrás, havia um preconceito maior com esses planos, por não terem uma regulamentação própria. Ou seja, não havia uma legislação que obrigasse as companhias a reajustar as taxas de acordo com os novos fluxos do mercado.

Porém, felizmente isso não acontece mais, já que atualmente esse mundo evoluiu e é muito regulado. Dessa forma, os planos de previdência deixaram de ser um tabu, o que aumentou a procura. 

Fabiana acrescentou ainda que, depois da pandemia, notou-se uma procura ainda maior nos planos de previdência, pois as pessoas perceberam naquele momento o quão importante é ter uma reserva pensando no futuro. 

Bom, vale lembrar que a previdência não é uma reserva de emergência. Então, esse dinheiro, no contexto da pandemia, não deveria ter sido utilizado para resolver as questões momentâneas, já que o resgate do dinheiro da previdência, de forma antecipada, não costuma ser vantajoso ao cliente.

Então, qual a maior dificuldade para uma maior aceitação aos planos de previdência?

Fred questiona à entrevistada, qual é a maior dificuldade enfrentada na venda desses planos atualmente. Então, Fabiana nos diz que o ponto mais complicado nessa venda ainda é o imediatismo. Logo, ela completa que cabe aos consultores explicarem a importância dos investimentos a longo prazo. 

Que tal conhecer um app para dividir as contas sem burocracia? 

 

E aí, quando eu posso começar a minha previdência e a receber minha renda? 

Na SulAmérica, você pode iniciar o seu plano, e em 12 meses pode começar a retirar a sua renda. Por exemplo, vamos supor que você iniciou a sua previdência com 50 anos, mas deseja começar a se aposentar com 55, você pode? Claro!

Você já consegue começar a receber a sua renda com apenas um ano de aporte. Mas, é óbvio que, com tão pouco tempo, a renda não será das mais generosas.

Agora, caso estabeleça uma data, ou seja, escolha aposentar com 60 anos, por exemplo, mas por alguma circunstância pessoal você decide antecipar a aposentadoria, é possível fazer isso na SulAmérica, mas, quanto antes se passa a receber, menor será a renda mensal. 

Você está satisfeito com o seu canal de vendas online?

 

Principais pontos para você ficar atento ao escolher seu plano de previdência!

Primeiro, é essencial que você entre em contato com o maior número de seguradoras, para escolher o melhor plano para você. Vale avaliar quanto você pode aportar e o quanto você pretende receber de renda quando a hora de se aposentar chegar. Depois, você deve decidir com quantos anos você quer se aposentar.

Vale também ter um entendimento sobre o perfil de risco de cada plano. Se você começou sua previdência tarde, você terá pouco tempo para contribuir. Isso implica que, para conseguir obter um rendimento um pouco maior, você terá que aplicar em planos de risco mais elevado.

A partir daí, sabendo o quanto você quer investir, o quanto você quer receber ao se aposentar e com quantos anos você deseja se aposentar, você faz a melhor escolha de plano!

Por último, é importante se manter atualizado sobre as maneiras pelas quais você pode receber sua renda, dentre as 5 que citamos aqui, até porque essa decisão será tomada só 60 dias antes de você começar a receber!

Então, mantenha-se sempre por dentro de tudo que falamos no post, e deixe as pessoas que você ama por dentro dessas possibilidades também, compartilhando-o.

E aí, pensou em contratar um plano de previdência privada? Então venha conhecer o nosso simulador de aposentadoria e previdência privada e a nossa consultoria em previdência!

Quer saber como acertar na escolha no plano de previdência? Confira essas dicas!

SIMULE APOSENTADORIA

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *