O que você está procurando hoje?

Open Finance: será que devo compartilhar meus dados?

banner da Creditas
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Apple Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Spotify
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Google Podcasts
Assinar Podcast Educando Seu Bolso no Castbox
Educando Seu Bolso
Educando Seu Bolso
Open Finance: será que devo compartilhar meus dados?







/

Está cansado de passar por uma enorme burocracia, imprimindo comprovantes que atestam sua situação financeira para tentar conseguir uma melhor oferta de crédito? Ou mesmo de preencher sempre os mesmos dados ao abrir uma conta em um um banco novo? É para agilizar processos como esses que o Banco Central criou o Open Finance!

O Open Finance serve para facilitar o compartilhamento de dados entre instituições financeiras. Tudo feito com a maior segurança possível!

E para falar desse assunto, trouxemos o Bruno Chan. Ele é cofundador da Klavi, uma empresa facilitadora no ramo de Open Finance. A tecnologia da Klavi faz com que você possa autorizar um banco a buscar seus dados em outro pelo Open Finance. 

E como sempre, caso prefira, você pode ouvir nosso bate papo em nosso podcast, nos players acima, ou pelo nosso canal do YouTube!

Open Finance, o que é?

O Open Finance é a possibilidade de clientes de produtos e serviços financeiros permitirem o compartilhamento de suas informações e movimentações financeiras entre diferentes instituições, de forma segura e ágil.

Em outras palavras, o Open Finance permite que os clientes tenham acesso a serviços e produtos financeiros que estão disponíveis não só na sua instituição de relacionamento. Ou seja, você pode acessar produtos e serviços de qualquer banco/seguradora/fintech com que queira compartilhar seus dados. 

Por exemplo, se você aplicou em um CDB do Bradesco, mas autoriza, por meio do Open Finance, que o Itaú veja seus dados, ele pode te oferecer uma aplicação que renda mais, sem você ter que ficar procurando.

Assim, tanto você quanto a instituição ganham velocidade no processo inicial de contratação de qualquer serviço ou produto, pulando toda a parte de cadastramento e comprovação de renda.

Além disso, você terá acesso a mais produtos e a instituição acesso a mais clientes, podendo ofertar produtos mais coerentes com cada realidade. 

Inclusive, várias contas digitais já estão se preparando para o Open Finance, sendo assim, conheça nosso Ranking de Contas Digitais para ficar por dentro das novidades!

Ranking melhores contas digitais segundo Educando seu Bolso

Posição Instituição Nota Post
1 Inter Inter
3.9
Confira!Confira!
2 NuBank NuBank
3.8
Confira!Confira!
3 Next Next
3.6
Confira!Confira!
4 C6 Bank C6 Bank
3.5
Confira!Confira!
5 PagBank PagBank
3.4
Confira!Confira!
6 BTG+ BTG+
3.3
Confira!Confira!
7 PicPay PicPay
3.2
Confira!Confira!
8 Mercado Pago Mercado Pago
3.1
Confira!Confira!
9 Super Digital Super Digital
3.0
Confira!Confira!
10 Banco BMG Banco BMG
2.9
Confira!Confira!

 

Na prática, como funciona?

Bom, o Bruno nos deu um exemplo do que aconteceu com ele em 2019, quando ele voltou para o Brasil, depois de 9 anos morando na China.

Quando ele chegou, ele precisava de um cartão de crédito, e, para isso, o solicitou em vários bancos. 

Contudo, como os bancos não tinham informações suficientes sobre ele, se era bom pagador, se possuía uma reserva, como eram suas movimentações financeiras… seu cartão de crédito não foi aprovado por nenhuma das instituições.

Dessa forma, o entrevistado nos diz que, caso ele conseguisse, de alguma maneira simples, compartilhar as informações que ele tinha sobre seu histórico financeiro com os bancos em que ele fez a solicitação do cartão, certamente algum deles liberaria o crédito. 

E é aí que entra o papel do Open Finance!

Se naquela época existisse a opção de compartilhamento de dados, criada pelo Open Finance, o Bruno teria conseguido mostrar para as empresas que ele era um bom cliente, e, provavelmente, teria tido acesso a um cartão de crédito.

Open Finance: saiba mais sobre a rede social do Banco Central!

 

Qual o papel da Klavi?

A Klavi é uma empresa com mais de 3 anos de mercado. Ela facilita o compartilhamento de dados financeiros de uma pessoa com qualquer empresa que ela desejar. 

Em outras palavras, faz com que qualquer pessoa consiga compartilhar os dados de sua instituição financeira com qualquer outra, em busca de melhores produtos e serviços.

6 dicas preciosas para usar a chave Pix com segurança!

 

Como o Open Finance influencia a sua vida?

De acordo com o nosso entrevistado, existem dois principais exemplos em que o Open Finance influencia a vida do cidadão comum.

O primeiro deles é em relação aos trabalhadores autônomos e o segundo deles em relação à facilidade na gestão financeira.

1° Trabalhador Autônomo

Atualmente, no Brasil, existem mais de 20 milhões de trabalhadores autônomos, segundo dados do IBGE do final de 2021. 

Dessa forma, é comum que essas pessoas encontrem dificuldades na hora de conseguir crédito, ou outros produtos financeiros pois não possuem um salário fixo, mas sim uma renda variável mês a mês.

Assim, é difícil conseguirem crédito ou produtos financeiros que exijam uma análise de crédito mais rigorosa, por exemplo.

Dado esse cenário, a Klavi atende uma empresa chamada Zippi, que analisa os dados fornecidos pela própria Klavi, através do Open Finance, e disponibiliza crédito para esses clientes autônomos.

Dessa forma, os clientes costumam conseguir acesso a crédito com mais facilidade e taxas mais atrativas.

Como funciona empréstimo Caixa Tem para negativado, MEI e PF?

2°  Gestão financeira do cliente

O Open Finance é também uma mão na roda para quem pretende se organizar melhor financeiramente. 

Isso porque, com o fornecimento de dados de forma única, ou seja, juntando toda a sua vida financeira em um só lugar, um único aplicativo, por exemplo, fica mais fácil controlar como você está gastando seu dinheiro. 

Na prática…

Vamos supor que você tenha 3 contas bancárias, uma no Inter, uma no Nubank e uma na Caixa

Desse modo, você recebe o seu salário no Inter dia 05, o seu Auxílio Brasil na Caixa dia 15, e possui um limite de crédito de R$1.500 na conta do Nubank, em que a fatura fecha dia 20.

Concorda que são muitas contas para analisar e fica difícil monitorar uma por uma? Então, com o Open Finance, os dados dessas três contas poderão ser analisados juntos. Como por exemplo em um aplicativo que vai agregar todas essas informações, facilitando sua organização financeira.

3º Poupar e investir

O Open Finance também pode te ajudar a poupar e investir, através de plataformas digitais, como a Oinc.

Nela, você pode, por meio do Open Finance, vincular suas contas bancárias e fazer um monitoramento de gastos de forma mais simples, com gráficos e metas de economias. Além disso, o foco principal da fintech é que o cliente poupe e invista, sem trabalho.

Para isso, seus gastos são arredondados para cima de forma automática, e o valor economizado é direcionado para uma conta digital da própria fintech.

Por exemplo, vamos supor que você tenha suas contas bancárias vinculadas a Oinc e compre um pão de queijo no valor de R$3,50. Desse modo, a plataforma vai arredondar seu gasto para R$4 e direcionar esses R$0,50 para a sua conta digital da própria Oinc.

Dessa forma, na conta seus centavos vão render 100% da taxa Selic, que atualmente está em 12,75% ao ano, o que já rende mais que a poupança.

Consequentemente, ao final do ano, por exemplo, você terá economizado uma boa grana, sem nem perceber.

Guiabolso: conheça o aplicativo que te ajuda nas suas finanças!

 

E o negativado, também consegue oferta de crédito?

“Meu Deus, esqueci de pagar a conta do celular, será que nunca mais vou conseguir um cartão de crédito?Calma, pode ficar tranquila, até com isso o Open Finance pode te auxiliar! 

Como estamos dizendo, o Open Finance vai te ajudar a compartilhar seus dados financeiros e todo o seu histórico como pagador. 

Desse modo, mesmo que você tenha vacilado e perdido a data de uma conta uma vez, e seu nome tenha sido negativado, ainda não é o fim do mundo!

Com o Open Finance, as instituições terão acesso a todo seu histórico financeiro. Logo, se virem que o atraso foi um caso isolado, por um motivo ‘besta’, que acabou sujando seu nome, mas que, em geral, você é um bom cliente, é possível que eles tenham uma oferta de crédito para você também!

Quero quitar as minhas dívidas, por onde devo começar?

 

E quais passos o Open Finance do Brasil ainda pode dar?

De acordo com o entrevistado, algo que ele gostaria de ver aqui no Brasil, baseado no processo de expansão do Open Finance, são os marketplaces.

Para entender melhor, vamos ao exemplo:

Vamos supor que você deseja fazer um financiamento imobiliário. Desse modo, atualmente, você precisaria buscar em diversas instituições financeiras, como bancos e fintechs, para ver as opções que cada um teria para te oferecer.

Contudo, se houvesse uma plataforma de marketplace nesse segmentos, seria diferente. Você poderia apenas entrar em um site, compartilhar suas informações bancárias através do Open Finance e, nessa plataforma, encontrar diversas ofertas de financiamento.

Assim, tanto você sai no lucro, tendo mais opções e taxas mais atrativas, quanto a instituição que você contratar, pois conseguiu mais um cliente.

Inclusive, para conferir um produto parecido com esse, conheça nosso simulador de de financiamento! Nele, você fornece as informações do imóvel que deseja financiar, e algumas informações sobre sua renda. Assim, a ferramenta compara as opções do mercado de acordo com o seu perfil e te sugere as melhores opções!

Veja como a Nuvemshop te ajuda a criar sua loja virtual!

 

Economizando com ajuda do Open Finance

Como diz o avô do Bruno, “a forma mais simples de economizar dinheiro é gastando menos do que você ganha”. Pronto, simples assim, né?!

E até nessa tarefa o Open Finance irá te ajudar, unificando suas movimentações financeiras em um só lugar e facilitando o entendimento do quanto você ganha, do quanto você gasta e com o que você gasta!

E aí, curtiu a novidade do Open Finance? Vai compartilhar seus dados? Antes disso, saiba que se organizar financeiramente é algo possível de ser feito com uma caneta e um papel, então, para começar a ter uma vida financeira saudável, conheça nosso curso Jornada Para o Equilíbrio Financeiro!

Quero conhecer o curso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *