Dá pra viver sem banco?

Dá pra viver sem banco?

Índice de “bancarização” no Brasil atingiu 60% no ano passado. Isso quer dizer que 60% da População Economicamente Ativa (PEA) tem relacionamento com bancos.

É possível viver sem banco, sim. O que não quer dizer que seja recomendável guardar o dinheiro em casa. Não em um país com inflação e juros tão altos. O que queremos dizer é que há instituições financeiras não bancárias que podem atender bem às necessidades da população.

Muitas pessoas mantêm com seu banco uma relação de fidelidade além do recomendável –  principalmente se recebem salário por meio dele. Por falta de costume ou de disposição, não buscam conhecer alternativas, sejam outros bancos ou mesmo outros tipos de instituição financeira, como corretoras e cooperativas de crédito.

As instituições não bancárias têm se modernizado, buscando melhorar e diversificar seus produtos e serviços. As cooperativas de créditos, por exemplo, já contam com um fundo garantidor que aumenta muito a segurança dos seus depositantes. Novas instituições de pagamento vêm ganhando mercado, especialmente nas transações simples do dia a dia, como pagar contas.

E você? Já pensou em se livrar do seu banco? Pode ser uma boa ideia. Quer saber como? Ouça aqui!

Assine nosso Podcast no

CastBox - Download from Google Play

Autor

Frederico Torres
Profissional do mercado financeiro há 20 anos e interessado em como fazer o $$$ parte de nossa vida de forma mais saudável.

2 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *