Casos da vida real: Cláudia – O casamento, a chegada do novo Bebê

Casos da vida real: Cláudia – O casamento, a chegada do novo Bebê

Cláudia é uma queridíssima amiga de infância com quem tive a oportunidade de “conviver” desde a barriga das nossas mães. Atualmente está vivendo uma nova etapa em sua vida e esta semana realizei uma ‘entrevista’ com ela, para conhecer como foi o seu planejamento financeiro para este novo momento do qual ela está desfrutando.

No ano de 2014, Cláudia se casou com seu esposo e neste ano, chegou um novo membro na família. A chegada do novo bebê propiciou as mais diversas conversas, ideias, planejamentos, expectativas e ideais. Como foram duas experiências bem próximas, ela teve a oportunidade de planejar cada pedacinho do que gostaria de viver. Algo que ela ressaltou foi que a teoria é uma coisa, já a prática é outra bem diferente! Por esta razão é que, além da poupança para o que querem realizar, eles fizeram outra para eventuais imprevistos. Então vamos às novas etapas da vida de Cláudia.

O casamento

Após oito anos de namoro, o casal optou por se casar, decidiram pela festa, número de convidados, local, lembranças, tudo com muita antecedência. A prioridade foi, primeiro, montar o apartamento em que iriam morar, depois vieram as decisões sobre a festa. Segundo ela mesma, casar-se hoje em dia virou um comércio, tudo é caríssimo e é importante buscar alternativas inteligentes para não deixar de realizar o sonho, mas, ao mesmo tempo, não sofrer se algo não puder ser exatamente como esperamos. Cláudia contou que, desde a época em que namorava seu esposo, eles já faziam economias para estes momentos da vida que exigem mais financeiramente: adquirir a casa nova, mobiliar a casa, festa de casamento, viagens e a seguir montar o quartinho do bebê, parto, remédios, vacinas, consultas médicas, etc.

Com a casa montada, o chá de panela realizado, o vestido comprado pela tia em outro país com um preço muito melhor do que aqui, chegou o grande dia… Ela conta que até a maquiadora se atrasou, mas nem isso alterou sua alegria para aquele momento em que o principal era celebrar esta nova etapa de vida do casal! Foi tudo acima do esperado, pois o mais importante segundo ela foi a alegria de ter reunido as pessoas que ela tanto ama.

Em lua de mel eles viajaram para o local escolhido e aproveitaram o ano de 2014 para viajar muito, pois já tinham o ideal de ficarem “grávidos” logo a seguir ao casamento.

O novo Bebê

Ela conta que uma nova pessoa na família requer muito planejamento e preparo. Como já tinham economias bem definidas e receberam muita ajuda dos pais e dos sogros, eles estão conseguindo se manter equilibrados em seu orçamento. Ela sabe que imprevistos são reais. Dessa forma, sempre que pode economizar, ela não deixa passar esta oportunidade. Cláudia contou que a sua maior alegria foi a chegada do seu filhinho, tornar-se mãe é um presente de Deus e automaticamente todas as suas prioridades de vida mudaram, tudo é primeiro para o seu filhinho, depois para ela e o marido. O pequeno com apenas um mês, já tem poupança até para o seu intercâmbio quando fizer 18 anos.

“Facilita muito quando você e o seu companheiro tem os ideais muito bem definidos, nós gostamos de economizar, gostamos de levar uma vida tranquila, para que as preocupações que vierem não sejam maiores do que o necessário, para que a vida financeira seja um facilitador para tudo o que queremos vivenciar e possamos dedicar nossa atenção ao que realmente nos dá a nossa maior alegria: a nossa família!”

Assim como Cláudia, muitas mamães vivem esta realidade da chegada de um novo membro na família! Com planejamento adequado, tudo se torna possível para que a boa formação das crianças possa vir em primeiro lugar e o bolso em equilíbrio auxiliar!

Autor

Lívia Senna
Lívia Senna é mestre em Gestão e Administração Educacional pela Universidade de Coimbra, em Portugal, e pedagoga graduada pela UFMG. Atua na área de Educação Básica e Ensino Fundamental há 12 anos. Educadora também na área de graduação, concentra seus estudos e pesquisas na área de Educação Financeira para Educação Infantil e Formação de Professores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *