Menino de 8 anos dá ideia que economiza 75 mil litros de água em prédio de SP

Menino de 8 anos dá ideia que economiza 75 mil litros de água em prédio de SP

Em tempos de crise d’água, principalmente em São Paulo, uma ideia simples de um garoto de apenas 8 anos de idade conseguiu fazer diminuir em cerca de 75 mil litros de água o consumo do prédio onde mora, na zona sul paulistana. A notícia está repercutindo na internet depois que o portal G1 publicou matéria relatando o caso. No texto, a mãe menino Henrique Ferrara Curti, a dentista Carolina Curti, contou que ele aprendeu com uma colega de escola a colocar baldes embaixo do chuveiro enquanto a água do chuveiro a gás esquenta, evitando o desperdício. Aos pais, ele pediu que adotassem a ideia e que divulgassem para os vizinhos de prédio. O pai, então, escreveu um bilhete e os vizinhos adotaram a técnica. “Isso foi bem na semana que o Cantareira estava em nível bem crítico, ainda na discussão do uso da segunda cota do volume morto. Quando meu marido chegou para buscá-lo, ele falou: papai, minha coleguinha falou isso. vamos fazer isso em casa?”, disse a mãe de Henrique, na matéria do G1. Foi uma grande economia financeira e, principalmente, do recurso natural mais importante para a vida humana – e também um estímulo, um exemplo a ser seguido.

O caso faz refletir sobre o quanto pequenas ideias simples que surgem no dia-a-dia podem mudar a realidade em que vivemos. E, num contexto em que falamos tanto sobre educação financeira para crianças (e aqui temos alguns ótimos textos especificamente sobre o assunto), vale lembrar a importância de conversar com as crianças sobre consumo, sustentabilidade, economia, porque o nosso futuro, o futuro delas, das nossas famílias, da nossa sociedade está em jogo. Também faz repensar: será que você não deixou uma boa ideia passar, por achá-la simples demais, pequena demais? Que tal tirá-la da gaveta? Fica, então, o caso do menino Henrique, como inspiração.

blog_economia_predio1

 

Autor

Liliane Pelegrini é jornalista e neste espaço pretende trazer um pouco da experiência do consumidor que ainda precisa aprender a lidar com o próprio dinheiro.

One comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *